Este é o futuro?

Parece que está em alta o formato "supermercado especializado" em produtos orgânicos e naturais. Conheça o exemplo da rede Sprouts Farmers Market Inc. (SFM), varejista de produtos naturais e orgânicos, que no ano passado abriu seu capital social, e poderá chegar a 1.200 lojas nos EUA nos próximos 15 anos. "Essa é uma estimativa mais conservadora", disse o CEO Doug Sanders, em uma entrevista durante a abertura de uma nova loja no país. Operam hoje cerca de 200 lojas, e competem com os tradicionais supermercados nacionais como a rede Kroger ou Walmart Stores reduzindo os preços das frutas e verduras em até 25%. Também competem com redes de alimentos naturais, como a Whole Foods e Trader Joe, com um forte apelo na venda de alimentos de mercearia bem menos processados. A rede, com sede em Phoenix, no Arizona, poderá aumentar o seu número de lojas em até 14% ao ano, o que significa que poderia alcançar as 1.200 lojas previstas em aproximadamente 15 anos. Dizem que sua expansão virá pela construção de novas lojas e não por meio de aquisições. A líder do segmento, o Whole Foods, tem seguido o mesmo caminho, e acabou de comprar as lojas fechadas da Dominick's, na região de Chicago. Suas origens Sprouts foi fundada pela família Boney, que começou vendendo frutas em 1943, no Sul da Califórnia, e mais tarde abriu lojas sob os nomes de Boney's e Henry's Marketplace. Em 1999, a família vendeu as lojas Henry's Marketplace para o concorrente Wild Oats (que hoje pertence ao Whole Foods), e três anos depois abriu a primeira loja da Sprouts. Em 2011, o fundo de investimentos Apollo Management LLC, comprou a rede, bem como a rede Henry´s, e em 2012 adicionou mais 30 lojas de outra rede especializada, a Sunflower Farmers Market. O fundo de "private equity" abriu o capital da empresa no ano passado e deteve 30% do seu capital. As ações subiram 73% já no primeiro ano após a oferta pública. Estão entrando na Geórgia com planos de operar 24 lojas em um ano. Operando hoje em todo o país cerca de 200 lojas (metade da rede WholeFoods) concentram-se principalmente no sudoeste americano. Forte Apelo "Porque nós temos um amplo poder de atração, podemos crescer bem rapidamente com novas lojas", disse Sanders. Muitos outros supermercados estão vendendo mais produtos orgânicos e naturais, à medida que os americanos procuram cada vez mais alimentos saudáveis. O Walmart já começou, seguido pela rede Kroger e tantas outras redes, que estão no mesmo caminho. Para se manter competitivo no seu segmento a rede Sprouts vende a preços 13% menores do que o líder Whole Foods e continua com preços 25% mais baixos nas frutas e verduras. Com tudo isso acontecendo, eles crescem em participação de mercado e esperam, neste ano, vender cerca de 3 bilhões de dólares. É um excepcional crescimento de 20% sobre o ano passado. Obs: Guardadas as diferenças, as redes especializadas em perecíveis também têm crescido aqui no Brasil.

Fonte: ondensado de matéria de Duane D. Stanford, publicado no site Bloomberg